Posts do momento

«85% da dívida foi gerada por décadas de corrupção» diz Paulo Morais

3 3  ● API



Os políticos andam a contaminar a opinião pública com a falsa ideia de que os portugueses são um bando de malucos que andaram a comprar telemóveis e a gozar férias, e que por esse abuso terão de ser castigados, e o castigo é a austeridade. A crise em que nos encontramos só tem um responsável: a corrupção de que somos vitimas há 20 e tal anos. (Paulo Morais)

adenda:
9 DE DEZEMBRO: DIA MUNDIAL DO COMBATE À CORRUPÇÃO.
O combate que falta em Portugal.

Nos últimos anos, foram acusados e condenados pela Justiça alguns dos mais destacados políticos: José Sócrates, Armando Vara, Oliveira e Costa, Duarte Lima, António Mexia, Miguel Macedo... Foram também "apanhados" pela Justiça alguns dos mais destacados e poderosos empresários e gestores: Ricardo Salgado, Henrique Granadeiro, Zeinal Bava, Helder Bataglia, João Rendeiro... Mas até agora ninguém foi preso, nem nenhum deles devolveu à Sociedade os muitos milhares de milhões que lhe retirou.

É esse o nosso combate para 2018: exigir a devolução de toda a riqueza que tem sido roubada ao povo português. A recuperação destes activos permitiria a baixa de impostos e a redução significativa da dívida. A recuperação de activos desviados pela corrupção é aliás uma das determinações da Declaração das Nações Unidas Contra a Corrupção (aprovada há 14 anos, neste mesmo dia).
Paulo Morais

Partilhe este artigo

Facebook/Portugal Glorioso

128 mil pessoas gostam

Anterior
Prev Post
Próximo
Next Post
Comentários-Facebook
3 Comentários-Blogger

3 comentários blogger

  1. Daqui a dias, 25 de Abril, alguns irão comemorá-lo com champanhe.

    ResponderEliminar
  2. O Marocas e Comp.ª deve tocar a reunir na sede de alguma casota "fundação" paga a milhões anuais pelo povo que o elegeu como pai e por se falar da época das festas, Santa Desgraça para ele, para fumar o seu Avano e dar uns arrotos de como se faz democracia no "portucal au april". recordando as suas guerras francesas mas contra PORTUGAL.

    ResponderEliminar
  3. Será que agora já se pode juntar a lista o PCP e o Bloco ou vamos fingir que estes são oposição?

    ResponderEliminar