Vergonha! Mexia «ameaça» aumentar factura da luz

comentários
 ● 17.5.16


EDP não quer pagar custos do alargamento da tarifa social de electricidade.

António Mexia não quer que seja a EDP a pagar os custos do alargamento da tarifa social de electricidade. O Governo considera que devem ser as eléctricas a pagar estes descontos mas o presidente da empresa não concorda e não exclui a hipótese de aumentar a factura da luz para os outros consumidores para compensar as perdas. Em Londres, na apresentação da estratégia da EDP para os próximos cinco anos, António Mexia anunciou ainda que o principal foco da empresa são as energias renováveis.
SICNoticias

(Deixe aqui o seu comentário)

António Vitorino na administração do Banco Santander

comentários




"António Vitorino vai passar a integrar a administração do Banco Santander, como administrador.

Torna-se, assim, um dos mais destacados exemplos do tráfico de influências da política nacional.

Ele, Eduardo Catroga, Seixas da Costa, Maria Luís Albuquerque, Matos Correia, Pedro Pinto, Marques Mendes, Luís Filipe Meneses, Maria de Belém Roseira, Miguel Frasquilho, Diogo Feio, Assunção Cristas, Manuela Ferreira Leite, Calvão da Silva, Adolfo Mesquita Nunes, Altino Bessa, Manuel Isaac, Paulo Rangel, Luís Parreirão, Paulo Mota Pinto, Joaquim Ferreira do Amaral, Aguiar Branco, Lobo Xavier, Durão Barroso, Vitalino Canas, Jorge Pedreira, Vera Jardim, Luís Amado, José Sócrates, Dias Loureiro, Armando Vara, Miguel Relvas, Couto dos Santos, Almerindo Marques, Pina Moura, Jorge Coelho, José Luís Arnaut, Mendes da Silva, Duarte Lima, Nuno Morais Sarmento... entre muitos outros que não têm um pouco de vergonha na cara."

Paulo Morais

«José Sócrates volta ao local do crime»

comentários
 ● 6.5.16

Sócrates vai à inauguração do Túnel do Marão




"O Criminoso volta sempre ao local do Crime."
(Parceria público-privada Subconcessão AE Transmontana: 9,34% de rentabilidade anual para o concessionário, risco zero).
Paulo Morais

Inédito! Gay arrasa homossexuais em directo

comentários
 ● 4.5.16
Gay critica duramente homossexuais:"Há regras mínimas e básicas que temos que seguir em termos de comportamento. Eu não gosto nem me identifico com alguns comportamentos."

Polémica Colégio Militar - Opinião Pública na SICN, com Paulo Côrte-Real - Vice-Presidente da ILGA Portugal. 


Intervenção do telespectador Casimiro Santos, homossexual, casado há 16 anos.

"Nunca fui discriminado, nem eu, nem o meu companheiro, nem o nosso filho. E porquê? Porque temos um comportamento normal, de casal normal".

"Discordo do Paulo Côrte-Real, em relação a 'uma pessoa ter que se afirmar homossexual todo o dia e toda a hora'. Eu não preciso de chegar à empresa onde trabalho e dizer: Bom dia, sou Casimiro Santos e sou gay. A discriminação passa pelo comportamento dos homossexuais e dos trans. E, eu que sou homossexual, às vezes não gosto nem me identifico com alguns comportamentos".

"Eu não a conheço a si (a apresentadora do programa), mas não se vai apresentar a mim a 1ª vez que nos encontramos, dizendo-me: "Olá, eu sou a senhora "tal" e sou heterossexual". Porque é que eu tenho que dizer isto no Colégio Militar ou numa escola?" Tenho o meu comportamento normal...sou membro da sociedade e tenho de comportar-me como tal. Há regras mínimas e básicas que temos que seguir em termos de comportamento."
* * * *
Concorda com a opinião de Casimiro Santos?
(Deixe aqui o seu comentário)

«Não é todos os dias que vimos 1 homem enfrentar gang de 15 elementos»

comentários
 ● 28.4.16
"O que mais eu podia fazer? Um deles pegou na pistola ainda dentro do restaurante, outro tinha uma faca." Mustafa, o turco de origem curda que é dono do restaurante Palácio do Kebab em Lisboa, recordou ao DN como lidou com a invasão de "mais de 20 jovens violentos" na manhã de segunda-feira, pelas 07.30.


Mustafa: "Se não me defendesse morria ali"


"Não gosto de violência, mas não é todos os dias que vimos um homem enfrentar um gang de 15 elementos com apenas uma espátula para virar carne. É de homem."
Marinho Neves

(Deixe o seu comentário...)

«Armando Vara continua à solta. Impunemente» Paulo Morais

comentários
 ● 27.4.16
Como no jogo de Monopólio, Vara dispõe do cartão 'Você está livre da prisão'.




Armando Vara foi condenado, em 2014, a cinco anos de prisão efectiva. Mas continua à solta. Impunemente. Vara, poderoso e ex-governante, foi condenado à cadeia e a restituir milhões de euros. Mas ainda não cumpriu nem um dia e não devolveu nem um cêntimo. Esteve, há dias, sem vergonha, na Assembleia Geral do BCP, enquanto accionista. Como no jogo de Monopólio, Vara dispõe do cartão 'Você está livre da prisão'.

Paulo Morais

Drone filma fantástica gruta secreta no Algarve

comentários
 ● 26.4.16





O Algar de Benagil, é uma espectacular praia escondida no concelho de Lagoa no Algarve.

É uma enorme gruta a que apenas é possível aceder por mar e que tem no seu interior escondida uma praia.

Está na lista do "Top 10 das cavernas mais bonitas do mundo" e também nos "50 locais mais impressionantes para visitar antes de morrer"
Hélder Afonso